Você também pode criar o seu abaixo-assinado!

Manifesto Livre!
Por melhorias na lanchonete da Faculdade de Medicina da USP
Por melhorias na lanchonete da Faculdade de Medicina da USP
- Prof. Dr. José Otavio Costa Auler Jr. - Vice-diretor no exercício da diretoria da FMUSP
- Dr. Fernando Casinhares - Diretor executivo da FMUSP
- Acadêmico Gabriel Dias de Oliveira - Presidente do CAOC


Há vários anos, os funcionários, alunos e docentes da FMUSP não tem uma opção de refeição saudável e de preços adequados no seu próprio local de trabalho.
O Café CAOC, que atualmente administra a lanchonete local, não tem oferecido serviços de qualidade e preços compatíveis. A qualidade nutricional dos alimentos ali encontrada é duvidosa. A lanchonete oferece principalmente salgados congelados e doces, todos com alto teor de gordura e açúcar. O próprio sanduiche dito "natural" tem 27% das necessidades diárias de consumo de sódio por pessoa. O preconizado pelo Incor é de que em cada refeição, não se ultrapasse os 25% de sódio. Além disso, os sanduiches ofertados são no pão branco que tem menor teor de fibras e valor nutricional. Não há muitas opções para os vegetarianos.
Não há frutas, pão fresco, queijo branco e suco espremido na hora, por exemplo, que não requerem uma cozinha especial. Os preços cobrados não contemplam a todos os membros da comunidade. Por exemplo, uma refeição pré-pronta de 240gr custa R$ 11,50 (onze reais e cinquenta centavos), equivalente a um restaurante a quilo de R$ 48,00 (quarenta e oito reais).
Mesmo o atual "desconto" de 10% oferecido aos alunos está incompatível com a realidade do aluno que estuda em tempo integral na instituição tendo sua renda principalmente oriunda de seus familiares e/ou bolsas de iniciação científica e monitorias.
Os produtos oferecidos também são sempre os mesmos; não há mudança de cardápio. Nos horários de pico, as mesas estão sempre sujas e a lixeira abarrotada, além da fila enorme e lentidão no atendimento. Não sabemos se a lanchonete realiza a reciclagem do lixo de maneira adequada. A lanchonete não fornece, além disso, a nota fiscal paulista, a não ser quando solicitada!
Outro ponto negativo desta lanchonete é a falta de compromisso com os clientes. Não raramente, não há reposição de alimentos ofertados. Nas férias dos alunos, com menor número de pessoas circulantes, não há praticamente reposição de alimentos ou oferta de alimentos frescos.
Esta lanchonete não é um bom exemplo para a FMUSP. Nós que pregamos aos nossos pacientes e em nossos trabalhos científicos a adoção de estilos saudáveis de vida e alimentação balanceada, temos este tipo de alimento servido a nós e aos que aqui vêm nos visitar. Vale a pena ainda lembrar que muitos de nós não temos tempo de sair para almoçar fora da FMUSP e que existem pessoas com problemas de mobilidade. Financeiramente, esta lanchonete exclui grande parte dos funcionários da possibilidade de consumo.
Solicitamos, portanto, que seja marcada uma reunião com as diversas representações da FMUSP, com a diretoria do CAOC e com os representantes da lanchonete, para discutir a melhoria dos serviços prestados.
Nome*:  
E-mail*:  
Estado*:
Mensagem:

Você também pode criar o seu abaixo-assinado!

©2007 | As visões expressadas aqui são de responsabilidade de seu criador e não coincidem com as visões do Manifesto Livre. O Manifesto Livre apenas disponibiliza uma ferramenta para a opinião popular.

Termos de Uso










O Manifesto Livre é uma iniciativa da: